Mundo Cão


Os MUNDO CAO são um projecto rock (dito de forma abrangente e descomplexada sem a procura de rotulos tao em voga hoje em dia). A imagem e o reconhecimento dos musicos junto dos mais atentos observadores do mundo da musica portuguesa e ja um capital inalienavel. As cara conhecidas da sociedade juntam-se as caras reconhecidas por um publico fiel a... boa musica...
Pedro Laginha colaborara ja com os Mao Morta de Miguel Pedro, no clip de "Cao da Morte" e posteriormente em alguns temas do ultimo album dos mesmos ("Gumes" com Adolfo Luxuria Canibal, e coros em "Estilo" e "Vertigem"). Dessas, muito positivas, colaboracoes, sobressai a disposicao de se fazer "algo mais"...O esboço dos Mundo Cao nascia muito provavelmente por esta altura...

Mundo Cão é um projecto que reúne um conjunto de elementos bem conhecidos do panorama musical português e não só.
Pedro Laginha, mais conhecido como actor, é o vocalista da banda; Miguel Pedro é um dos membros fundadores dos Mão Morta e baterista dos Mundo Cão; Vasco Vaz, companheiro de Miguel nos Mão Morta e guitarrista; Budda foi guitarrista dos Big Fat Mamma e por fim o elemento menos conhecido, Duarte Nuno no baixo.
Mundo Cão é uma banda de Rock cantada em português, sem procurar qualquer tipo de rótulos.
Apreciem e desfrutem deixo-vos aqui o link para o videoclip http://br.youtube.com/watch?v=ajDUGUqq_Go
Quem quiser adquirir o albúm digam algo , já o tenho!!!!
Bom rock e em português!!!!

7 comentários:

ana.soares.take2 disse...

Caro Paradoxon,
Obrigada pelo seu post. É sempre bom saber do que se vai passando na música portuguesa ou feita por portugueses - e quantos destes músicos não terão já colaborado em projectos fílmicos... Não leve a mal, porém, e sabe que é benvindo ao blogue do CCF, mas aqui tentamos manter o assunto no mundo do cinema e mais directamente ligado a ele. Com sinceridade lhe peço que satisfaça a minha curiosidade e me fale dos projectos destes músicos no cinema - eu ficarei mais sabedora e, quem sabe, também os leitores que vêm ao blogue à procura de coisas sobre filmes. Volte sempre!

Anónimo disse...

Parece impossível que o CINECLUB de Faro desconheça as actividades cinematograficas de alguns dos Mundo Cão.
Como acho tão deprimente esta falta de conhecimento, não digo mais nada......

anabela moutinho disse...

looool!! ai coitado do CINECLUBE de Faro que tem as costas tão largas!

o CINECLUBE de Faro é composto pelos seus actuais e antigos sócios e dirigentes. De entre eles, seguramente, haverá quem conheça as actividades cinematográficas dos Mundo Cão! Haja esperança!!

A Ana não conhece, eu também não, mas, caro anónimo, não se inquiete: o 'paradoxon' sim, pelo que ele nos elucidará - espero eu que fiquei curiosa!!! Viver e aprender!

Abraço, e não se deprima: é facto que está frescote e Levante, mas, caramba, é Verão!!!

Volte sempre.

Rf disse...

tenho a noção de que o Miguel Pedro e o Vasco Vaz têm coisas feitas em cinema, sinceramente o quê, não me lembro, o pedro laginha certamente terá uma carreira que além do teatro concerteza abarcará também a televisão e o cinema. ficava bem ao anônimo, para além de um prontuário de português e de uma boa dose de elegância e humildade, elucidar-nos, caso se sinta capaz.

Quanto aos Mundo Cão, grande projecto que já acompanho há algum tempo, e que merece todo o apoio e sorte que lhe consigamos providenciar...

paradoxon disse...

É sempre bom existir alguma discussão salutar há volta dos temas que se vão escrevendo aqui no blog do cineclube de faro.
Não era minha intenção levantar uma discussão que não fosse sobre o cinema, mas achei relevante falar sobre este projecto musical português por diversos factores, tanto pela ligação do pedro laginha aos mão morta e a adolfo luxuria canibal , e também pelo facto de tanto ele, pedro laginha , e adolfo luxuria canibal estarem intrisecamente ligados ao cinema.
Para quem desconhece adolfo luxuria canibal além de músico escritor e advogado nas horas vagas, tem colaborado com os alunos da escola superior de artes do porto em cinema , tanto nos argumentos como sendo protagonista , a ultima curta que vi em que ele participa foi uma curta metragem que foi exibida no festival de cinema de arouca .
Portanto acho que foi pertinente falar sobre o mundo cão.

Ana Soares disse...

Obrigada, rf e Paradoxon!Os mundos da música e do cinema tocam-se desde sempre, é verdade. (Tal como eu esperava, fiquei a saber mais umas coisas. Acrescento-as ao monte minúsculo que fica ao lado da cordilheira imensa do que não sei.)

anabela moutinho disse...

eh pá (paradoxon), o que era uma curte era arranjar uma pequena mostra desses tais filmes da escola do Porto, n'era??

faz ideia como nos seria possível?